Vésperas de Quarta-feira da VI Semana da Páscoa

0 comentário

V. Vinde, ó Deus, em meu aulio.
R. Socorrei-me sem demora.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Esrito Santo. *
Como era no prinpio, agora e sempre. Amém. Aleluia.

Hino

Eterno Rei e Senhor,
Filho do Pai muito amado,
à vossa imagem plasmastes
Adão, do barro formado.

Caiu o homem no mal,
pelo inimigo enganado.
Mas assumistes seu corpo
num seio virgem formado.

Unido a nós como homem,
vós nos unistes a Deus.
Pelo Batismo, nos destes
herdar o Reino dos céus.

Para salvar todo homem,
morrer na cruz aceitastes.
Preço do nosso resgate,
o vosso sangue doastes.

Mas ressurgis, recebendo
do Pai a glória devida.
Por vós, também ressurgidos,
teremos parte na vida.

Sede, Jesus, para nós,
gozo pascal, honra e glória.
Os que nasceram da graça,
uni à vossa vitória.

Glória a Jesus triunfante
que a própria morte venceu.
A ele, ao Pai e ao Espírito
louvor eterno no céu.

Salmodia

Ant. 1 Que o vosso coração não se perturbe:
crede em mim unicamente, aleluia.

Salmo 61(62)

A paz em Deus

Que o Deus da esperança vos encha da alegria e da paz em vossa vida da fé (Rm 15,13).

2 Só em Deus a minha alma tem repouso, *
porque dele é que me vem a salvação!
3 Só ele é meu rochedo e salvação, *
a fortaleza, onde encontro segurança!

4 Até quando atacareis um pobre homem, *
todos juntos, procurando derrubá-lo,
– como a parede que começa a inclinar-se, *
ou um muro que está prestes a cair?

5 Combinaram empurrar-me lá do alto, *
e se comprazem em mentir e enganar;
– enquanto eles bendizem com os lábios; *
no coração, bem lá do fundo, amaldiçoam.

6 Só em Deus a minha alma tem repouso, *
porque dele é que me vem a salvação!
7 Só ele é meu rochedo e salvação, *
a fortaleza, onde encontro segurança!

8 A minha glória e salvação estão em Deus; *
o meu regio e rocha firme é o Senhor!
=9 Povo todo, esperai sempre no Senhor, †
e abri diante dele o coração: *
nosso Deus é um refúgio para nós!

10 Todo homem a um sopro se assemelha, *
o filho do homem é mentira e ilusão;
– se subissem todos eles na balança, *
pesariam até menos do que o vento:

11 Não confieis na opressão, na violência *
nem vos gabeis de vossos roubos e enganos!
– E se crescerem vossas posses e riquezas, *
elas não prendais o coração!

=12 Uma palavra Deus falou, duas ouvi: †
“O poder e a bondade a Deus pertencem, *
pois pagais a cada um conforme as obras”.

Ant. Que o vosso coração não se perturbe:
crede em mim unicamente, aleluia.

Ant. 2 Que as nações vos glorifiquem, ó Senhor,
e exultem pela vossa salvação! Aleluia.

Salmo 66(67)

Todos os povos celebram o Senhor

Sabei que esta salvação de Deus já foi comunicada aos pagãos (At 28,28).

2 Que Deus nos  a sua graça e sua bênção, *
e sua face resplandeça sobre nós!
3 † Que na terra se conheça o seu caminho *
e a sua salvação por entre os povos.

4 Que as nações vos glorifiquem, ó Senhor, *
que todas as nações vos glorifiquem!

5 Exulte de alegria a terra inteira, *
pois julgais o universo com justiça;
– os povos governais com retidão, *
e guiais, em toda a terra, as nações.

6 Que as nações vos glorifiquem, ó Senhor, *
que todas as nações vos glorifiquem!

7 A terra produziu sua colheita: *
o Senhor e nosso Deus nos abençoa.
8 Que o Senhor e nosso Deus nos abençoe, *
e o respeitem os confins de toda a terra!

Ant. Que as nações vos glorifiquem, ó Senhor,
e exultem pela vossa salvação! Aleluia.

Ant. 3 O céu se enche com a sua majestade
e a terra com sua glória, aleluia.

Cântico Cf. Cl 1,12-20

Cristo, o Primogênito de toda a criatura
e o Primogênito dentre os mortos

=12 Demos graças a Deus Pai onipotente, †
que nos chama a partilhar, na sua luz, *
da herança a seus santos reservada!

(R. Glória a vós, primonito dentre os mortos!)

=13 Do imrio das trevas arrancou-nos †
e transportou-nos para o reino de seu Filho, *
para o reino de seu Filho bem-amado,
14 no qual nós encontramos redenção, *
dos pecados remissão pelo seu sangue.

(R.)

15 Do Deus, o Invisível, é a imagem, *
o Primonito de toda criatura;
=16 porque nele é que tudo foi criado, †
o que há nos céus e o que existe sobre a terra, *
o vivel e também o invisível.

(R.)

= Sejam Tronos e Poderes que há nos céus, †
sejam eles Principados, Potestades: *
por ele e para ele foram feitos.
17 Antes de toda criatura ele existe, *
e é por ele que subsiste o universo.

(R.)

=18 Ele é a Cabeça da Igreja, que é seu Corpo, †
é o prinpio, o Primogênito entre os mortos, *
fim de ter em tudo a primazia.
19 Pois foi do agrado de Deus Pai que a plenitude *
habitasse no seu Cristo inteiramente.

(R.)

20 Aprouve-lhe também, por meio dele, *
reconciliar consigo mesmo as criaturas,
= pacificando pelo sangue de sua cruz †
tudo aquilo que por ele foi criado, *
o que há nos céus e o que existe sobre a terra.

(R.)

Ant. O céu se enche com a sua majestade
e a terra com sua glória, aleluia.

Leitura breve Hb 7,24-27
Cristo, uma vez que permanece para a eternidade, possui um sacerdócio que não muda. Por isso ele é capaz de salvar para sempre aqueles que, por seu intermédio, se aproximam de Deus. Ele está sempre vivo para interceder por eles. Tal é precisamente o sumo-sacerdote que nos convinha: santo, inocente, sem mancha, separado dos pecadores e elevado acima dos céus. Ele não precisa, como os sumos-sacerdotes, oferecer sacrifícios em cada dia, primeiro por seus próprios pecados e depois pelos do povo. Ele já o fez uma vez por todas, oferecendo-se a si mesmo.

Responsório breve
R. Os discípulos ficaram muito alegres.* Aleluia, aleluia.
R. Os discípulos.
V. Quando viram o Senhor ressuscitado.* Aleluia, aleluia.
Glória ao Pai. R. Os discípulos.

Cântico evangélico, ant.

Ant. O Espírito me glorificará,
pois haverá de receber do que é meu
e haverá de anunciar-vos, aleluia.

A alegria da alma no Senhor

46 A minha alma engrandece ao Senhor * 
47 e se alegrou o meu esrito em Deus, meu Salvador
48 pois ele viu a pequenez de sua serva, * 
desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita. 

49 O Poderoso fez por mim maravilhas * 
Santo é o seu nome! 
50 Seu amor, de geração em geração, * 
chega a todos que o respeitam; 

51 demonstrou o poder de seu braço, * 
dispersou os orgulhosos; 
52 derrubou os poderosos de seus tronos * 
e os humildes exaltou;

53 De bens saciou os famintos, * 
e despediu, sem nada, os ricos. 
54 Acolheu Israel, seu servidor, * 
fiel ao seu amor

55 como havia prometido aos nossos pais, * 
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

= Demos glória a Deus Pai onipotente
e a seu Filho, Jesus Cristo, Senhor nosso, †
e ao Esrito que habita em nosso peito, *
pelos culos dos culos. Amém.

Ant. O Espírito me glorificará,
pois haverá de receber do que é meu
e haverá de anunciar-vos, aleluia.

Preces

Imploremos a Deus todo-poderoso, que em seu Filho ressuscitado, abriu-nos as portas da vida eterna; e digamos confiantes:

R. Pela vitória de Cristo, salvai, Senhor, o vosso povo!

Deus de nossos pais, que glorificastes vosso Filho Jesus, ressuscitando-o dos mortos,
– transformai os nossos corações para vivermos a vida nova da filiação divina. R.

Vós, que conduzistes as ovelhas desgarradas, que éramos, a Cristo, pastor e guia de nossas almas,
– conservai-nos fiéis ao evangelho, sob a orientação dos pastores da Igreja. R.

Vós, que escolhestes os primeiros discípulos de vosso Filho dentre o povo judeu,
– dai aos filhos de Israel fidelidade à Aliança para caminharem ao encontro da promessa feita a seus pais. R.

Lembrai-vos de todos os abandonados, dos órfãos e das viúvas,
– e não deixeis que vivam sozinhos aqueles que vosso Filho, com sua morte, reconciliou convosco. R.

(intenções livres)

Vós, que chamastes para o reino celeste o primeiro mártir Santo Estevão, depois que ele proclamou a glória de Jesus sentado à vossa direita,
– acolhei também na eternidade os nossos irmãos e irmãs que na fé e na caridade esperaram em vós. R.

Pai nosso.

Oração

Ó Deus, ao celebrarmos solenemente a ressurreição do vosso Filho, concedei que nos alegremos com todos os santos, quando ele vier na sua glória. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Conclusão da Hora

O Senhor nos abençoe,
nos livre de todo o mal
e nos conduza à vida eterna. Amém.

Categorias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *