Vésperas de 23 de Dezembro

V. Vinde, ó Deus, em meu aulio.
R. Socorrei-me sem demora.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Esrito Santo. *
Como era no prinpio, agora e sempre. Amém. Aleluia.

Hino

Recebe, Virgem Maria, 
no casto seio materno,
dos céus, o Verbo Divino 
vindo da boca do Eterno.

Fecunda, a sombra do Espírito
do alto céu te ilumina,
para gerares um Filho
de natureza divina.

A porta santa do templo
eternamente fechado,
feliz e pronta se abre, 
somente ao Rei esperado.

Desceu à terra o Senhor,
por Gabriel anunciado; 
promessa antiga aos profetas, 
antes da aurora gerado.

Exulta o coro dos anjos,
a terra canta louvor:
Para salvar os perdidos, 
humilde, vem o Senhor.

Ó Cristo, Rei piedoso,
a Vós e ao Pai toda a glória,
Com o Espírito Santo:
eterna honra e vitória.

Salmodia

Ant. 1 Aquele que reina há de vir de Sião.
É grande o seu nome: Senhor, Deus-conosco.
 

Salmo 144(145)

Louvor à grandeza de Deus

Justo és tu, Senhor, aquele que é e que era, o Santo (Ap 16,5).

I

1 Ó meu Deus, quero exaltar-vos, ó meu Rei, *
e bendizer o vosso nome pelos séculos.

2 Todos os dias haverei de bendizer-vos, *
hei de louvar o vosso nome para sempre.
3 Grande é o Senhor e muito digno de louvores, *
e ninguém pode medir sua grandeza.

4 Uma idade conta à outra vossas obras *
e publica os vossos feitos poderosos;
5 proclamam todos o esplendor de vossa glória *
e divulgam vossas obras portentosas!

6 Narram todos vossas obras poderosas, *
e de vossa imensidade todos falam.
7 Eles recordam vosso amor tão grandioso *
e exaltam, ó Senhor, vossa justiça.

8 Misericórdia e piedade é o Senhor, *
ele é amor, é paciência, é compaixão.
9 O Senhor é muito bom para com todos, *
sua ternura abraça toda criatura.

10 Que vossas obras, ó Senhor, vos glorifiquem, *
e os vossos santos com louvores vos bendigam!
11 Narrem a glória e o esplendor do vosso reino *
saibam proclamar vosso poder!

12 Para espalhar vossos prodígios entre os homens *
e o fulgor de vosso reino esplendoroso.
13 O vosso reino é um reino para sempre, *
vosso poder, de geração em geração.

Ant. Aquele que reina há de vir de Sião.
É grande o seu nome: Senhor, Deus-conosco.


Ant. 2 Sede firmes na esperança,
e vereis vir sobre vós o auxílio do Senhor.
 

II

13b O Senhor é amor fiel em sua palavra, *
é santidade em toda obra que ele faz.
14 Ele sustenta todo aquele que vacila *
e levanta todo aquele que tombou.

15 Todos os olhos, ó Senhor, em vós esperam *
e vós lhes dais no tempo certo o alimento;
16 vós abris a vossa mão prodigamente *
e saciais todo ser vivo com fartura.

17 É justo o Senhor em seus caminhos, *
é santo em toda obra que ele faz.
18 Ele está perto da pessoa que o invoca, *
de todo aquele que o invoca lealmente.

19 O Senhor cumpre os desejos dos que o temem, *
ele escuta os seus clamores e os salva.
20 O Senhor guarda todo aquele que o ama, *
mas dispersa e extermina os que são ímpios.

=21 Que a minha boca cante a glória do Senhor †
e que bendiga todo ser seu nome santo *
desde agora, para sempre e pelos séculos.

Ant. Sede firmes na esperança,
e vereis vir sobre vós o auxílio do Senhor.




Ant. 3 Eu volto os olhos ao Senhor
e aguardo a Deus, meu Salvador.
 

Cântico Ap 15,3-4

Hino de adoração

3 Como são grandes e admiveis vossas obras, *
ó Senhor e nosso Deus onipotente!
– Vossos caminhos são verdade, são justiça, *
ó Rei dos povos todos do universo!

(R. São grandes vossas obras, ó Senhor!)

=4 Quem, Senhor, não haveria de temer-vos, †
quem não honraria o vosso nome? *
Pois somente vós, Senhor, é que sois santo!

(R.)

= As nações todas hão de vir perante vós, †
e prostradas haverão de adorar-vos, *
pois vossas justas decisões são manifestas!

(R.)

Ant. Eu volto os olhos ao Senhor
e aguardo a Deus, meu Salvador.


Leitura breve             2Pd 3,8b-9 

Para o Senhor, um dia é como mil anos e mil anos como um dia. O Senhor não tarda a cumprir sua promessa, como pensam alguns, achando que demora. Ele está usando de paciência para conosco. Pois não deseja que alguém se perca. Ao contrário, quer que todos venham a converter-se. 

Responsório breve 

R. Nossa alma espera no Senhor,
* Nele se alegra o nosso coração. R. Nossa alma.
V. Está perto a salvação dos que o respeitam.
* Nele se alegra. Glória ao Pai. R. Nossa alma.

CÂNTICO EVANGÉLICO (MAGNIFICAT) Lc1,46-55

Ant. Ó Emanuel: Deus-conosco, nosso Rei Legislador,
Esperança das nações e dos povos Salvador:
Vinde enfim para salvar-nos, ó Senhor e nosso Deus!

A alegria da alma no Senhor

46 A minha alma engrandece ao Senhor *
47 e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
48 pois ele viu a pequenez de sua serva, *
desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

49 O Poderoso fez por mim maravilhas *
e Santo é o seu nome!
50 Seu amor, de geração em geração, *
chega a todos que o respeitam;

51 demonstrou o poder de seu braço, *
dispersou os orgulhosos;
52 derrubou os poderosos de seus tronos *
e os humildes exaltou;

53 De bens saciou os famintos, *
e despediu, sem nada, os ricos.
54 Acolheu Israel, seu servidor, *
fiel ao seu amor,

55 como havia prometido aos nossos pais, *
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Ó Emanuel: Deus-conosco, nosso Rei Legislador,
Esperança das nações e dos povos Salvador:
Vinde enfim para salvar-nos, ó Senhor e nosso Deus!

Preces

Roguemos, irmãos e irmãs, a Cristo nosso Redentor, que veio à terra para anunciar a Boa-nova aos pobres; e lhe digamos com fervor:

R. Manifestai, Senhor, a todos a vossa glória!

Manifestai-vos, Senhor, a todos que ainda não vos conhecem,
– para que também eles vejam vossa salvação. R.

Seja o vosso nome anunciado até os confins da terra,
– para que todos encontrem vosso caminho. R.

Vós, que viestes, a primeira vez, para remir o mundo de seus pecados,
– vinde novamente para que não se percam os que crêem em vós. R.

Conservai e protegei, com o poder da vossa graça,
– a liberdade que nos destes com a vossa redenção. R.

(intenções livres)

Vós, que viestes do céu à terra para nascer segundo a carne, e de novo haveis de vir para julgar os vivos e os mortos,
– dai aos defuntos a recompensa eterna, quando vierdes no último dia. R.

Pai nosso.

Oração

Deus eterno e todo-poderoso, ao aproximar-nos do natal do vosso Filho, concedei-nos obter a misericórdia do Verbo, que se encarnou no seio da Virgem e quis viver entre nós. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Um comentário em “Vésperas de 23 de Dezembro”

  1. Ele vai chamar-se João!

    Nascerá para nós um pequenino: ele será chamado Deus e forte; nele serão abençoados todos os povos da terra (Is 9,6; Sl 71,17).

    Oração do dia
    Deus eterno e todo-poderoso, ao aproximar-nos do Natal do vosso filho, concedei-nos obter a misericórdia do Verbo, que se encarnou no seio da Virgem e quis viver entre nós. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

    ‘ De fato, a mão do Senhor estava com ele. ‘

    https://padrepauloricardo.org/episodios/o-emanuel-deus-conosco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *