Laudes de Quinta-feira da III Semana da Quaresma

V. Vinde, ó Deus, em meu auxílio.
R. Socorrei-me sem demora.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Esrito Santo. *
Como era no prinpio, agora e sempre. Amém

Hino

Ó Cristo, sol de justiça,
brilhai nas trevas da mente.
Com força e luz, reparai
a criação novamente.

Dai-nos, no tempo aceitável,
um coração penitente,
que se converta e acolha
o vosso amor paciente.

A penitência transforme
tudo o que em nós há de mal.
É bem maior que o pecado
o vosso dom sem igual.

Um dia vem, vosso dia,
e tudo então refloresce.
Nós, renascidos na graça,
exultaremos em prece.

A vós, Trindade clemente,
com toda a terra adoramos,
e no perdão renovados
um canto novo cantamos.

Salmodia

Ant. 1 Dizem coisas gloriosas da Cidade do Senhor.

Salmo 86(87)

Jerusalém: mãe de todos os povos

A Jerusalém celeste é livre, e é a nossa mãe (Gl 4,26).

1 O Senhor ama a cidade *
que fundou no Monte santo;
2 ama as portas de Sião *
mais que as casas de Jacó.

3 Dizem coisas gloriosas *
da Cidade do Senhor:
4 “Lembro o Egito e Babilônia *
entre os meus veneradores.

= Na Filistéia ou em Tiro †
ou no país da Etiópia, *
este ou aquele ali nasceu”.

=5 De Sião, porém, se diz: †
“Nasceu nela todo homem; *
Deus é sua segurança”.

=6 Deus anota no seu livro, †
onde inscreve os povos todos: *
“Foi ali que estes nasceram”.

7 E por isso todos juntos *
a cantar se alegrarão;
– e, dançando, exclamarão: *
“Estão em ti as nossas fontes!”

Ant. Dizem coisas gloriosas da Cidade do Senhor.

Ant. 2 O Senhor, o nosso Deus,vem com poder,
e o preço da viria vem com ele.

Cântico Is 40,10-17

O Bom Pastor é o Deus Altíssimo e Sapientíssimo

Eis que venho em breve, para retribuir a cada um segundo as suas obras (Ap 22,12).

10 Olhai e vede: o nosso Deus vem com poder, *
domina todas as coisas com seu braço.
– Eis que o preço da vitória vem com ele, *
e o precedem os troféus que conquistou.

(R. Bendito seja Aquele que há de vir!)

11 Como o pastor, ele apascenta o seu rebanho. *
Ele toma os cordeirinhos em seus braços,
– leva ao colo as ovelhas que amamentam, *
e reúne as dispersas com sua mão.

(R.)

12 Quem, no côncavo da mão, mediu o mar? *
Quem mediu o firmamento com seu palmo?
= Quem mediu com o alqueire o pó da terra? †
Quem pesou, pondo ao gancho, as montanhas, *
e as colinas, colocando-as na balança?

(R.)

13 Quem instruíra o espírito do Senhor? *
Que conselheiro o teria orientado?
14 Com quem aprendeu ele a bem julgar, *
e os caminhos da justiça a discernir?
– Quem as veredas da prudência lhe ensinou *
ou os caminhos da ciência lhe mostrou?

(R.)

15 Eis as nações: qual gota d’água na vasilha, *
um grão de areia na balança diante dele;
– e as ilhas pesam menos do que o pó *
perante ele, o Senhor onipotente.

(R.)

16 Não bastaria toda a lenha que há no Líbano *
para queimar seus animais em holocausto.
17 As nações todas são um nada diante dele, *
a seus olhos elas são quais se não fossem.

(R.)

Ant. O Senhor, o nosso Deus, vem com poder,
e o preço da viria vem com ele.

Ant. 3 Aclamai o Senhor nosso Deus,
e adorai-o com todo o respeito!

Salmo 98(99)

Santo é o Senhor nosso Deus

Vós, Senhor, que estais acima dos Querubins, quando vos fizestes semelhante a nós, restaurastes o mundo decaído (Sto. Atanásio).

=1 Deus é Rei: diante dele estremeçam os povos! †
Ele reina entre os anjos: que a terra se abale! *
2 Porque grande é o Senhor em Sião!

= Muito acima de todos os povos se eleva; †
3 glorifiquem seu nome tervel e grande, *
porque ele é santo e é forte!

=4 Deus é Rei poderoso. Ele ama o que é justo †
e garante o direito, a justiça e a ordem; *
tudo isso ele exerce em Ja.

=5 Exaltai o Senhor nosso Deus, †
e prostrai-vos perante seus pés, *
pois é santo o Senhor nosso Deus!

=6 Eis Moisés e Aarão entre os seus sacerdotes. †
E também Samuel invocava seu nome, *
e ele mesmo, o Senhor, os ouvia.

=7 Da coluna de nuvem falava com eles. †
E guardavam a lei e os preceitos divinos, *
que o Senhor nosso Deus tinha dado.

=8 Responeis a eles, Senhor nosso Deus, †
porque éreis um Deus paciente com eles, *
mas saeis punir seu pecado.

=9 Exaltai o Senhor nosso Deus, †
e prostrai-vos perante seu monte, *
pois é santo o Senhor nosso Deus!

Ant. Aclamai o Senhor nosso Deus,
e adorai-o com todo o respeito!

Leitura breve             Cf. 1Rs 8,51-53a
Nós somos, Senhor, teu povo e tua herança. Teus olhos estejam abertos à súplica do teu servo e do teu povo, Israel, escutando-nos toda vez que te invocarmos. Pois tu nos separaste para ti como herança dentre todos os povos da terra.

Responsório breve
R. Nós somos vosso povo, ó Senhor.
* Misericórdia, Senhor, a vós clamamos!R. Nós somos.
V. Curvados sob o peso dos pecados,
choramos de tristeza. * Misericórdia.
Glória ao Pai. R. Nós somos.

Cântico evangélico, ant.
Se eu expulso os demônios pela força de Deus,
o reino dos céus já chegou até vós.

O Messias e seu Precursor

68 Bendito seja o Senhor Deus de Israel, * 
porque a seu povo visitou e libertou
69 e fez surgir um poderoso Salvador *
na casa de Davi, seu servidor

70 como falara pela boca de seus santos, * 
os profetas desde os tempos mais antigos, 
71 para salvar-nos do poder dos inimigos * 
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

72 Assim mostrou misericórdia a nossos pais, * 
recordando a sua santa Aliança 
73 e o juramento a Abraão, o nosso pai, * 
de conceder-nos 74 que, libertos do inimigo, 

= a ele nós sirvamos sem temor † 
75 em santidade e em justiça diante dele, * 
enquanto perdurarem nossos dias. 
=76 Serás profeta do Alssimo, ó menino, † 
pois irás andando à frente do Senhor * 
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

77 anunciando ao seu povo a salvação, *
que está na remissão de seus pecados; 
78 pela bondade e compaixão de nosso Deus, * 
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente, 

79 para iluminar a quantos jazem entre as trevas *
e na sombra da morte estão sentados 
– e para dirigir os nossos passos, * 
guiando-os no caminho da paz

Ant. Se eu expulso os demônios pela força de Deus,
o reino dos céus já chegou até vós.

Preces
Louvemos a Cristo nosso Senhor, que se manifestou à humanidade como luz do mundo para que, seguindo-o, não andemos nas trevas mas tenhamos a luz da vida; e lhe peçamos:

R. Senhor, que a vossa palavra ilumine os nossos passos!

Deus de bondade, fazei-nos imitar hoje o vosso exemplo,
– para que recuperemos em vós, novo Adão, o que perdemos no primeiro Adão. R.

A vossa palavra seja luz dos nossos passos,
– para que, realizando sempre as obras da verdade, aumente cada vez mais o nosso amor por vós. R.

Ensinai-nos a promover com retidão o bem de todos por causa do vosso nome,
– para que, por nosso intermédio, a Igreja ilumine cada vez melhor a família humana. R.

Alimentai sempre mais em nós a vossa amizade, por meio de uma sincera conversão,
– para que expiemos as ofensas cometidas contra a vossa sabedoria e bondade. R.

(intenções livres)

Pai nosso.

 

Oração

À medida que se aproxima a festa da salvação, nós vos pedimos, ó Deus,que nos preparemos com maior empenho para celebrar o mistério da Páscoa. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Conclusão da Hora

O Senhor nos abençoe,
nos livre de todo o mal
e nos conduza à vida eterna. Amém.

Um comentário em “Laudes de Quinta-feira da III Semana da Quaresma”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.