Arquivo da categoria: Hinos

Mãe do Céu, Morena (Pe. Zezinho) – Cifra e Partitura


Este Hino é um dos aprovados pela Conferência Episcopal para ser cantado opcionalmente nas Laudes e/ou Vésperas da Solenidade de Nossa Senhora da Conceição Aparecida – Padroeira do Brasil. (Liturgia das Horas, Vol IV, página. 1857)




Mãe do Céu Morena
Senhora da América Latina
De olhar e caridade tão divina
De cor igual a cor de tantas raças

Virgem tão serena
Senhora destes povos tão sofridos
Patrona dos pequenos e oprimidos
Derrama sobre nós as tuas graças

Derrama sobre os jovens tua luz
Aos pobres vem mostrar o teu Jesus
Ao mundo inteiro traz o teu amor de mãe

Ensina quem tem tudo a partilhar
Ensina quem tem pouco a não cansar
E faz o nosso povo caminhar em paz

Mãe do Céu Morena
Senhora da América Latina
De olhar e caridade tão divina
De cor igual a cor de tantas raças

Virgem tão serena
Senhora destes povos tão sofridos
Patrona dos pequenos e oprimidos
Derrama sobre nós as tuas graças

Derrama a esperança sobre nós
Ensina o povo a não calar a voz
Desperta o coração de quem não acordou

Ensina que a justiça é condição
De construir um mundo mais irmão
E faz o nosso povo conhecer Jesus

Maria, mãe dos Mortais – Hino das I Vésperas da Solenidade de Nossa Senhora Aparecida


Hino 

G
Maria, Mãe dos mortais,
Am——————G
as nossas preces acolhes;
Am——————Bm
escuta, pois, nossos ais,
——————————–G
e sempre, sempre nos olhes.

Vem socorrer, se do crime
o laço vil nos envolve.
Com tua mão que redime
a nossa culpa dissolve.

Vem socorrer, se do mundo
o brilho vão nos seduz,
a abandonar num segundo
a estrada que ao céu conduz.

Vem socorrer, quando a alma
e o corpo a doença prostrar.
Vejamos com doce calma
a eternidade chegar.

Tenham teus filhos,na morte,
tua assistência materna.
E seja assim nossa sorte,
o prêmio da Vida eterna.

Jesus, ao Pai seja glória.
Seja ao Espírito também.
E a vós, ó Rei da vitória,
Filho da Virgem. Amém.

https://youtu.be/bAZbwrQqF78

Partitura e Cifras – Hino das Vésperas de Quinta-feira Santa

Cm                              Bb         Eb                                Fm                        Cm
Memória da morte de Cristo Senhor, Pão vivo, que ao homem dá vida e valor,

              Fm                    Cm                           Bb                     Cm
fazei-me viver de vossa ternura, sentindo nos lábios a vossa doçura.

Cm                Bb                 Eb                           Fm                    Cm
Fiel pelicano, Jesus, meu Senhor, lavai-me no sangue, a mim pecador;

                       Fm                     Cm                        Bb                        Cm
pois dele uma gota já salva e redime a todo o Universo dos laços do crime.

Cm                                   Bb           Eb                     Fm                  Cm
Enfim, contemplando na glória dos céus o vosso semblante, sem sombras nem véus,

              Fm                           Cm                          Bb                         Cm
irei bendizer-vos, Jesus, Sumo Bem, ao Pai e ao Espírito nos séculos. Amém.