Sexta-feira da 6ª Semana da Páscoa

Antífona de Entrada

Vós nos resgatastes, Senhor, pelo vosso sangue, de todas as raças, línguas, povos e nações e fizestes de nós um reino e sacerdotes para o nosso Deus, aleluia! (Ap 5,9s)

Oração do dia

Ó Deus, fazei que a pregação do Evangelho por toda a terra realize o que prometestes ao glorificar o vosso Verbo, para que possamos alcançar, vivendo plenamente como filhos e filhas, o que foi anunciado pela vossa palavra. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

1ª Leitura – At 18,9-18

Nesta cidade há um povo numeroso que me pertence.

Leitura dos Atos dos Apóstolos 18,9-18

Estando Paulo em Corinto,
9uma noite, o Senhor disse-lhe em visão:
‘Não tenhas medo; continua a falar e não te cales,
10porque eu estou contigo.
Ninguém te porá a mão para fazer mal.
Nesta cidade há um povo numeroso que me pertence.’
11Assim Paulo ficou um ano e meio entre eles,
ensinando-lhes a Palavra de Deus.
12Na época em que Galião era proncônsul na Acaia,
os judeus insurgiram-se em massa contra Paulo
e levaram-no diante do tribunal,
13dizendo: ‘Este homem induz o povo a adorar a Deus
de modo contrário à Lei.’
14Paulo ia tomar a palavra,
quando Galião falou aos judeus, dizendo:
‘Judeus, se fosse por causa de um delito
ou de uma ação criminosa,
seria justo que eu atendesse a vossa queixa.
15Mas, como é questão de palavras,
de nomes e da vossa Lei,
tratai disso vós mesmos.
Eu não quero ser juiz nessas coisas.’
16E Galião mandou-os sair do tribunal.
17Então todos agarraram Sóstenes, o chefe da sinagoga,
e espancaram-no diante do tribunal.
E Galião nem se incomodou com isso.
18Paulo permaneceu ainda vários dias em Corinto.
Despedindo-se dos irmãos, embarcou para a Síria,
em companhia de Priscila e Áquila.
Em Cencréia, Paulo rapou a cabeça
pois tinha feito uma promessa.
Palavra do Senhor.

Salmo – Sl 46, 2-3. 4-5. 6-7 (R. 8a)

R. O Senhor é o grande Rei de toda a terra.

Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia

2Povos todos do universo, batei palmas,*
gritai a Deus aclamações de alegria!
3Porque sublime é o Senhor, o Deus Altíssimo,*
o soberano que domina toda a terra.R.

4Os povos sujeitou ao nosso jugo *
e colocou muitas nações aos nossos pés.
5Foi ele que escolheu a nossa herança, *
a glória de Jacó, seu bem-amado.R.

6Por entre aclamações Deus se elevou,*
o Senhor subiu ao toque da trombeta.
7Salmodiai ao nosso Deus ao som da harpa,*
salmodiai ao som da harpa ao nosso Rei!R.

Evangelho – Jo 16,20-23a

Ninguém vos poderá tirar a vossa alegria.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João 16,20-23a

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
20Em verdade, em verdade vos digo:
Vós chorareis e vos lamentareis,
mas o mundo se alegrará;
vós ficareis tristes,
mas a vossa tristeza se transformará em alegria.
21A mulher, quando deve dar à luz,
fica angustiada porque chegou a sua hora;
mas, depois que a criança nasceu,
ela já não se lembra dos sofrimentos,
por causa da alegria de um homem ter vindo ao mundo.
22Também vós agora sentis tristeza,
mas eu hei de ver-vos novamente
e o vosso coração se alegrará,
e ninguém vos poderá tirar a vossa alegria.
23aNaquele dia, não me perguntareis mais nada.
Palavra da Salvação.

Antífona da Comunhão

O Cristo Senhor foi entregue por nossos pecados e ressuscitou para nossa justificação, aleluia! (Rm 4,25)

Depois da Comunhão

Guardai, ó Deus, no vosso constante amor, aqueles que salvastes, para que, redimidos pela paixão do vosso Filho, nos alegremos por sua ressurreição. Por Cristo, nosso Senhor.