/

7

7 Violação do anátema 1Mas os filhos de Israel tornaram-se culpados de violação doanátema: Acã, filho de Carmi, filho de Zabdi, filho de Zaré, da tribo de Judá, apoderou-se de coisas que estavam sob anátema; e a ira de Iahweh inflamou-se contra os filhos de Israel.

Derrota diante de Hai, sanção do sacrilégio 2Ora, Josué enviou de Jericó algunshomens em direção a Hai’ (que fica perto de Bet-Áven), ao oriente de Betel, e disse-

lhes: “Subi e explorai o país.” Eles subiram para explorar Hai. 3Retornando a Josué, disseram-lhe: “Não é necessário que suba todo o povo, mas apenas dois ou três mil homens subam para atacar Hai. Nem se fatigue todo o povo, pois os seus habitantes não são numerosos.” 4Subiram para lá, do povo, cerca de três mil homens, que se puseram em fuga diante dos habitantes de Hai. 5Os habitantes de Hai mataram cerca de trinta e seis dos homens deles e os perseguiram desde a porta até, Saba- rim, e na descida os derrotaram. Então o coração do povo desmaiou e a sua coragem se derreteu.

Súplica de Josué 6Josué então rasgou suas vestes, prostrou-se com a face em terradiante da Arca de Iahweh até à tarde, tanto ele como os anciãos de Israel, e lançaram pó sobre suas cabeças. 7Disse Josué: “Ah! Senhor Iahweh, por que fizeste este povo passar o Jordão se era para nos entregar nas mãos dos amorreus e destruir-nos? Ah! se tivéssemos podido nos estabelecer do outro lado do Jordão! 8Perdoa-me, Senhor! Que direi, agora que Israel voltou as costas diante dos seus inimigos? 9Os cananeus ficarão sabendo, bem como todos os moradores da terra, e se reunirão contra nós para fazer desaparecer nosso nome da terra. Que farás, então, pelo teu grande nome?”

Resposta de Iahweh 10Iahweh disse a Josué: “Levanta-te! Por que permaneces assim

prostrado sobre teu rosto? 11Israel pecou, violou a Aliança que eu lhe ordenara: Sim! tomou do que era anátema, e até o furtou, e também o dissimulou e ainda o colocou entre as suas bagagens. 12Por isso os filhos de Israel não poderão resistir aos seus inimigos, e voltarão as costas diante dos seus inimigos porque se tornaram anátemas. Se não fizerdes desaparecer do meio de vós o objeto do anátema, não estarei mais convosco. 13Levanta-te, santifica o povo e dirás: Santificai-vos para amanhã, pois assim diz Iahweh, o Deus de Israel: O anátema está no meio de ti, Israel; não poderás enfrentar teus inimigos até que não tenhais eliminado o anátema do vosso meio. 14Portanto, vós vos apresentareis amanhã cedo, por tribos, e a tribo que Iahweh houver designado pela sorte se apresentará por clãs, e o clã que Iahweh houver designado pela sorte se apresentará por famílias, e a família que Iahweh houver designado pela sorte se apresentará homem por homem. 15Enfim, aquele que for designado pela sorte naquilo a que se refere o anátema será queimado, ele e tudo o que lhe pertence, por haver transgredido a Aliança com Iahweh e haver cometido uma infâmia em Israel.”

Descoberta e castigo do culpado 16Josué levantou-se bem cedo; e mandou Israel seaproximar por tribos, e a tribo de Judá foi designada pela sorte. 17Mandou então aproximarem-se os clãs de Judá, e o clã de Zaré foi designado pela sorte. Fez achegar-se o clã de Zaré por famílias, e Zabdi foi designado pela sorte.18Josué fez aproximar-se a família de Zabdi, homem por homem, e Acã, filho de Carmi, filho de Zabdi, filho de Zaré, da tribo de Judá, foi designado pela sorte. 19Josué então disse a Acã: “Meu filho, dá glória a Iahweh, Deus de Israel, e a ele rende louvores; declara-me o que fizeste e nada me ocultes.” 20Acã respondeu a Josué: “Verdadeiramente, fui eu que pequei contra Iahweh, Deus de Israel, e eis o que fiz: 21Vi entre os despojos um belo manto de Senaar e duzentos siclos de prata e uma barra de ouro pesando cinqüenta siclos; cobicei-os e os tomei. Estão escondidos na terra, no meio da minha tenda, e a prata está embaixo.” 22Josué enviou mensageiros que correram à tenda, e realmente o manto estava escondido na tenda e a prata embaixo. 23Tomaram tudo do meio da tenda e o trouxeram a Josué e a todos os filhos de Israel e o depositaram diante de Iahweh. 24Então Josué tomou Acã, filho de Zaré, e o fez subir ao vale de Acor, com a prata, o manto e a barra de ouro, com seus filhos, suas filhas, seu boi, seu jumento, suas ovelhas, sua tenda e tudo o que lhe pertencia. Todo Israel o acompanhou. 25Disse Josué: “Por que trouxeste

desgraça sobre nós? Que Iahweh, neste dia, traga desgraça sobre ti!” E todo Israel o apedrejou (e os queimou e os cobriu de pedras.) 26E levantaram sobre ele um grande monte de pedras, que existe ainda hoje. Aplacou-se então Iahweh da sua ardente ira. Por esse motivo se deu àquele lugar o nome de vale de Acor, até hoje.

4. A TOMADA DE HAI