/

16

16 1A palavra de Deus foi dirigida de Jeú, filho de Hanani, contra Baasa, nestes termos:2“Elevei-te do pó e te estabeleci chefe sobre o meu povo Israel, mas tu imitaste o comportamento de Jeroboão e levaste Israel, meu povo, a cometer pecados que me irritam. 3Por isso, varrerei Baasa e sua casa; tornarei sua casa semelhante à de Jeroboão, filho de Nabat. 4Todo membro da família de Baasa que morrer na cidade será devorado pelos cães; e o que morrer no campo será comido pelas aves do céu.” 5O resto da história de Baasa, seus atos e proezas, não está tudo escrito no livro dos Anais dos reis de Israel? 6Baasa adormeceu com seus pais e foi sepultado em Tersa. Seu filho Ela reinou em seu lugar. 7Além disso, por intermédio do profeta Jeú,filho de Hanani, a palavra de Iahweh foi transmitida a Baasa e à sua casa, não só por causa de todo o mal que fizera aos olhos de Iahweh, irritando-o com suas ações, tornando-se semelhante à casa de Jeroboão, mas também por ter exterminado essa casa.

Reinado de Ela em Israel (886-885) 8No vigésimo sexto ano de Asa, rei de Judá,Ela, filho de Baasa, tornou-se rei de Israel em Tersa e reinou por dois anos. 9Seu servo Zambri, chefe da metade de seus carros, conspirou contra ele. Estando ele em Tersa, bebendo e embriagando-se em casa de Arsa, mordomo do palácio em Tersa, 10Zambri

entrou, feriu-o e o matou- o, no vigésimo sétimo ano de Asa, rei de Judá; depois reinou no lugar dele. 11Logo que se tornou rei e sentou-se no trono, massacrou toda a família de Baasa, sem lhe deixar um só varão, e matou também seus parentes e seu amigo. 12Zambri exterminou toda a casa de Baasa, segundo a predição que Iahweh fizera contra Baasa, por intermédio do profeta Jeú, 13por causa de todos os pecados que cometeram Baasa e Ela, seu filho, e fizeram Israel cometer, irritando Iahweh, Deus de Israel, com seus ídolos vãos. 14O resto da história de Ela e todos os seus atos, não está tudo escrito no livro dos Anais dos reis de Israel?

Reinado de Zambri em Israel (885) 15No vigésimo sétimo ano de Asa, rei de Judá,Zambri tornou-se rei em Tersa, reinando sete dias. Na ocasião o povo estava acampado diante de Gebeton que pertence aos filisteus. 16Quando o acampamento recebeu esta notícia: “Zambri fez uma conspiração e inclusive matou o rei!”, todo o Israel, na mesma hora, no acampamento, proclamou rei de Israel Amri, chefe do exército. 17Amri e todo o Israel com ele saíram de Gebeton e vieram sitiar Tersa. 18Quando Zambri viu que a cidade ia ser tomada, entrou na cidadela do palácio real, pôs fogo no palácio, estando lá dentro, e morreu. 19Tudo por causa do pecado que cometera, fazendo o mal aos olhos de Iahweh, imitando a conduta de Jeroboão e o pecado que fizera, levando Israel a pecar. 20O resto da história de Zambri e a conspiração que ele tramou, não está tudo escrito no livro dos anais dos reis de Israel? 21Então o povo de Israel se dividiu: metade apoiou Tebni, filho de Ginet, querendo fazê-lo rei; a outra metade apoiou Amri. 22Mas o partido de Amri prevaleceu sobre o de Tebni, filho de Ginet; Tebni morreu e Amri tornou-se rei.

Reinado de Amri em Israel (885-874) 23No trigésimo primeiro ano de Asa, rei deJudá, Amri tornou-se rei de Israel, por doze anos. Reinou seis anos em Tersa. 24Depois comprou de Semer o monte Samaria por dois talentos de prata; construiu sobre ele uma cidade a que deu o nome de Sama- ria, por causa do nome de Semer, proprietário do monte. 25Amri fez o mal aos olhos de Iahweh, superando nisso todos os seus antecessores. 26Imitou em tudo a conduta de Jeroboão, filho de Nabat, e os pecados a que este levara Israel, irritando Iahweh, Deus de Israel, com seus ídolos vãos. 27O resto da história de Amri, seus atos e proezas, não está tudo escrito no livro dos anais dos reis de Israel? 28Amri adormeceu com seus pais e foi sepultado em Samaria. Seu filho Acab reinou em seu lugar.

Introdução ao reinado de Acab (874-853) 29Acab, filho de Amri, tornou-se rei notrigésimo oitavo ano de Asa, rei de Judá, e reinou vinte e dois anos sobre Israel, em Samaria. 30Acab, filho de Amri, fez o mal aos olhos de Iahweh, mais do que todos os seus antecessores. 31Como se não lhe bastasse imitar os pecados de Jeroboão, filho de Nabat, desposou ainda Jezabel, filha de Etbaal, rei dos sidônios, e passou a servir Baal e a adorá-lo; 32erigiu-lhe um altar no templo de Baal, que construiu em Samaria. 33Acab erigiu também um poste sagrado e cometeu ainda outros pecados, irritando Iahweh, Deus de Israel, mais que todos os reis de Israel que o precederam. 34No seu tempo, Hiel de Betel reconstruiu Jericó; pelo preço de seu primogênito Abiram lançou-lhe os fundamentos e pelo preço de seu último filho Segub assentou-lhe as portas, conforme a predição que Iahweh fizera por intermédio de Josué, filho de Nun.